ÁREA DE MEMBROS

@coitenews.com.br

×

Em comunicado, coldzera afirma que desânimo foi motivo para sua saída da MIBR

Foto: Divulgação/HLTV.org

Após ter sua saída confirmada pelo manager da MIBR, Ricardo “dead” Sinigaglia, Marcelo “coldzera” David emitiu uma nota oficial com os motivos de sua partida. O texto foi publicado nas redes sociais do player na tarde desta sexta-feira (12).

De acordo com o jogador, o desgaste causado após várias tentativas para resolver o problema dos maus resultados acabou resultando nisso. “Em 2018 eu queria sair do time, mas fiquei por acreditar que conseguiríamos melhorar, mas as derrotas, brigas, problemas, foram me desgastando de um jeito absurdo“, disse. “Estou me estressando muito com o jeito que estamos lidando com as derrotas; ao invés de tentarmos a solução dentro de jogo, a gente procura ainda mais problemas e isso começou a afetar minha performance“, completou.

Ele confirmou que a opção de sair foi apenas dele e que há mais de um ano pensa nisso. Em reunião após a eliminação da ESL One Cologne 2019 ele expressou esse desejo e os motivos para isso. “Falei que queria sair por não estar mais contente de como estamos lidando com os problemas, de como estamos jogando nesses últimos 7 meses e porque sinto que o time não sabe me usar/escutar mais dentro do jogo“, afirmou.

Cold também ratificou a informação que queria jogar os três próximos campeonatos, mas por opção de seus antigos companheiros isso não ia acontecer. Como informado na nota oficial de dead, a equipe “necessita estar na mesma página, sempre em frente, na mesma sintonia, tanto os jogadores, quanto à comissão técnica e Organização“.

O futuro do melhor jogador do mundo de 2016 e 2017 ainda não está definido. Ele informou que irá tirar férias de doze dias e depois irá para Europa fazer um período de treinamentos individuais. Porém, ele confirma que pode demorar um tempo longo para ter um novo time por conta do alto valor de transferência que tem.

A vida é feita de escolhas, e eu escolhi sair para tentar algumas coisas que eu nunca tentei: jogar em outro time, sair da zona de conforto e voltar a trabalhar com sede de ganhar”, concluiu.

Copyright © DRAFT5. Todos os direitos reservados.